MOVIMENTO POETRIX

O mínimo é o máximo!

Textos


CIRANDA DE POETRIX : OUTONO/2012 - AUTORES DO MIP


1) CAMINHOS - Regina Lyra

Na folhagem seca
caminhavam pés
sobre a juventude que fora.

***

2) Outono Carioca - Ronaldo Jacobina

Andar, sob um céu azul, sentindo frio...
Quem disse, ó Rio, que o melhor de ti é o verão,
Não te sentiu, não te viu ...

***

3) Nova estação - Kate Weiss

Folhas douradas
o outono chegou
vidas abreviadas no chão.

 
***

4) Outono - Pedro Cardoso (DF)

as folhas amareladas
dizem que o meu coração
mudou de estação

****

5) Em tempo contínuo... - Mardilê Friedrich Fabre

Folhas dissipadas pelo vento
Vestem canteiros de laranja e marrom.
O jardim outona-se.

***

6) AS FOLHAS CAEM... - lílian maial

ou danço
ou choro
outono

***

7) C'est Si Bon - Rosa Pena

queijos e rechaud
vinho de voyeur
fondue com quero mais

***

8) Outono Cinza - Ronaldo Jacobina

Ó triste maio, ó triste outono,
Mês tão chuvoso,
Rimas hoje com a palavra sono.
 
***

9)  Abril - Kate Weiss

A noite alongou-se
no começo da estação
Maria pariu só de manhã.
 
***

10) Outono - Sandra Mamede (SSA)

Folhas amarelas
Frio no corpo
Tristeza na alma

***

11) Brisa do outono - Hércio Afonso

há um quê de desencanto,
um porquê, em alento
naquele olhar que não perde estação

 
***

12)OUTONANDO - Ricardo Mainieri

Folhas caídas
todas as cores de sépia
semeadas ao chão.
 
***

13) PRAÇA - Regina Lyra

Nas folhas caídas
douradas eternas
febre crepuscular.

***

14) O Tempo dispara - Rosa Pena


Na foto eu brilhava.
Agora sou opaca!
Outono não é primavera.
 
***

15) Outonal - Mardilê Friedrich Fabre

Tempo desnuda
ecos de outono.
Laranja e marrom...
 
***

16) INDOUTONO -lílian maial

matizes aos bandos
(re)voada em silêncio
dourados brincam de roda

***
17) surreal -  lílian maial

tímido sol
com dó do outono
primaverando a manhã

***

18) MATAMORFOSE -  lílian maial

vento varre o chão
folhas no ar a dançar
borboletas súbitas

***

19) Abre o tom - Eliana Mora, 21/4/2012

mostra-te para o mundo
insinua-te para mim
[esconda-me]

***

20) Ouço um bem-te-vi - Hércio Afonso 21/04/2012

Todo um arco-íris de folhas
na grama do meu jardim.
- Ah... saudade do ver-te!

 
***
 
21)OUTONO - Israel dos Santos

Em fulva queda
sob frio orvalho,
sedimentou.

****
 
22) OUTONO I - Kathleen Lessa
 
Tons de ferrugem
Nas copas das árvores.
Pinceladas de Van Gogh.
 
***
23) OUTONO II - Kathleen Lessa
 
Traços de sol amarelo
No azul riscado de branco.
Folhas nos balanços.
 
***
 
24)  OUTONO III - Kathleen Lessa
 
Outono é rebento.
Nasce co'as águas de março,
Findam verão e cansaço.
 
***


ENCERRADA EM 24/04/2012
 
Movimento Poetrix
Enviado por Movimento Poetrix em 02/05/2012
Alterado em 14/07/2012


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras